Em Dourados, homem discute com jovens após sentir cheiro de maconha e acaba morto a tiros

O homem foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levado até o Hospital da Vida, mas não resistiu e morreu.

Por 94 FM Dourados 09/10/2017 - 14:31 hs
Foto: Adilson Domingos

Por volta das 12h30 de ontem (8), Jair Pereira Amorim, de 48 anos, foi assassinado a tiros após reclamar do cheiro forte de maconha, que vinha da casa de alguns jovens que moravam perto de sua residência.

Conforme o boletim de ocorrência, alguns jovens estavam fumando maconha, quando a vítima reclamou do cheiro forte, no bairro Dioclécio Artuzi III, em Dourados. Logo após a discussão, quando Jair voltou para sua casa e saiu em seguida com uma bicicleta, um dos jovens o abordou na Rua DA 3 e atirou na barriga e na cabeça da vítima e fugiu do local.

Jair foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levado até o Hospital da Vida, mas não resistiu e morreu.

A Polícia Militar realizou rondas pela região logo após o crime para tentar localizar o autor, mas ele fugiu. Porém, segundo a ocorrência, o autor do assassinato já foi identificado.