Seja bem vindo
Iguatemi,25/02/2024

  • A +
  • A -

Procuradores dos EUA acusam senador aliado de Joe Biden de receber suborno

Foto: g1.globo.com
Procuradores dos EUA acusam senador aliado de Joe Biden de receber suborno



Os procuradores estão tentando fazer com que Menendez tenha bens confiscados, incluindo sua casa em Nova Jersey, uma Mercedes-Benz 2019 e cerca de US$ 566 mil em dinheiro, barras de ouro e fundos de uma conta bancária. Senador dos EUA Bob Menendez, dos EUA
Jonathan Ernst/Reuters
O senador norte-americano Robert Menendez, do Partido Democrata do estado de Nova Jersey, e sua esposa foram acusados de crimes de suborno devido a seu relacionamento com três empresários, informaram procuradores federais nesta sexta-feira (22).
Menendez está no Senado desde 2006. Ele é presidente do Comitê de Relações Exteriores do Senado dos EUA e um aliado importante do presidente democrata Joe Biden.
A Procuradoria dos EUA acusou os réus de aceitarem milhares de dólares em subornos em troca do uso do poder e da influência de Menendez como senador para proteger e enriquecer os empresários e beneficiar o governo do Egito.
Os procuradores disseram que o suborno inclui dinheiro, ouro, pagamentos para a hipoteca de uma casa, compensação por um emprego com requisitos mínimos, um veículo de luxo e outros itens de valor.
Menendez e sua esposa, Nadine Menendez, enfrentam três acusações criminais cada um.
A resposta do senador
Menendez afirmou em comunicado que os procuradores descaracterizaram o trabalho legislativo rotineiro.
“Os excessos destes promotores são aparentes, os fatos não são como apresentados", afirmou ele.
Um advogado de Nadine Menendez, casada com o senador desde 2020, disse que ela nega qualquer irregularidade e que “se defenderá vigorosamente” contra as acusações no tribunal.
Menendez já havia sido acusado em Nova Jersey de aceitar voos particulares, contribuições de campanha e outros subornos de um patrono rico em troca de favores oficiais, mas um julgamento de 2017 terminou em um impasse com o júri.
Os procuradores estão tentando fazer com que Menendez tenha bens confiscados, incluindo sua casa em Nova Jersey, uma Mercedes-Benz 2019 e cerca de US$ 566 mil em dinheiro, barras de ouro e fundos de uma conta bancária.
Os empresários -- Wael Hana, Jose Uribe e Fred Daibes -- também foram acusados no esquema.



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login