Criança de 11 anos abandonado pelo Estado clama por ajuda da sociedade em Ponta Porã

Por Porã News 19/11/2017 - 12:19 hs

Esquecido pelo governo do PSDB na cidade de Ponta Porã os pais de uma criança de 11 anos pede auxilio a população da fronteira por remedios e condições para seguir realizando tratamento medico.

Em Ponta Porã uma criança de 11 anos espera pela ajuda da secretaria de saúde do estado do Mato Grosso do Sul a mais de seis meses, mesmo existindo uma liminar da Defensoria Publica, a secretaria de saúde não cumpre o seu papel fazendo com que o sofrimento da criança e seus pais sejam ainda maiores, pela que os mesmos nos últimos dias procuraram o apoio da população e tornar a vida de uma criança portadora de paralisia cerebral tetraespástica mais fácil e ao mesmo tempo solicitar apoio tendo em vista que nos próximos dias a criança devera realizar exames neurológicos devido a epilepsia e paralisia cerebral tetraespástica na “Clinica do Sonho” na cidade de Dourados e os pais não tem meios econômicos para se deslocarem ate o local e nem meios para pagar os 400 Reais pela consulta.

Ante o abandono do estado os pais do pequeno de 11 anos grita por auxilio a sociedade a fim de salvar a vida de seu filho e tornar a vida do mesmo um pouco mais confortável.

Segundo informações os gastos com medicamentos alcançam a soma de aproximadamente 800 reais mensais, já que o pequeno utiliza remédios quase que de hora em hora, além de precisar de um colchão casca de ovo em razão de estar constantemente em cama assim como aparelhos de alimentação, que ao ser de baixo custo poderia ser doado por alguma entidade da sociedade civil organizada.

O contato com a família poderá ser realizada através do número (67) 9875 9405 ou visitando ao mesmo na rua H casa 278 situado no bairro Carandá Bosque, proximo ao bairro Ipê 1 na cidade de Ponta Porã.